Encontros com Maria Galindo  dia 2
Encontros com Maria Galindo - Conversa com Coletivos
12 days ago
Sirigaita
Rua dos Anjos, 12F Lisboa

Dia 2 de Julho // 19H-23H // Sirigaita
há jantar veg 3*

19h – projeção do filme da Larissa Lewandoski & Manas "Seis Mulheres e uma semente" (30min)

20h – 23h conversa com coletivos, Manas e Maria Galindo.

Do proibido, da desobediência, da crítica cultural, do bastardo, Maria Galindo (aka @lavirgendelosdeseos) experimenta e fala. Fugindo dos binarismos, da disputa entre origem e autenticidade, Maria posiciona-se num espaço bastardo, onde escava o que é proibido perguntar, um espaço onde se fala de utopias em vez de direitos, de revolução em vez de inclusão. Um espaço sugestivo e subversivo que é para o ambíguo, para aquilo que escapa à definição e reivindica o mutante e a fronteira. Diante do poder não nos empoderamos, diante do poder nos rebelamos. Maria, apresenta-nos um feminismo intuitivo, que se afasta da instrução ideológica e responde a uma decisão existencial do corpo, da rua, da prisão e da migração. Neste feminismo, os protagonistas são as vozes silenciadas que gritam nas marchas e que desestabilizam o patriarcado. Maria Galindo vem a Lisboa para apresentar Revolución puta, uma produção que desde um lugar fresco, longe da vitimização feminista, celebra as trabalhadoras do sexo como anfitriãs de mudança social, como aquelas "que têm a varinha para agitar as sexualidades, quebrar mitos, diluir estruturas de todas as mulheres e, portanto, fundamental nesta revolução feminista". Revolución puta tem uma linguagem cinematográfica heterodoxa, inadequada para as elites cinéfilas colonizantes, um filme que nos lembra, mais uma vez, que a criatividade é um instrumento de luta e ação política.

@a_biblioteka @manasaferspace @lefthandrotation.colectivo
@pauloraposoantropologo @grazie.pacheco @_nath.alia @fabiananaviam